sábado, 1 de agosto de 2009

Ensaio mistagógico

Contribuições para o estudo da música ritual 1
ENSAIO "MISTAGÓGICO": UMA PROPOSTA
- Sugerir a leitura do texto musicado.
- A seguir, pedir que releiam o texto prestando atenção às imagens, rimas, palavras-chave, relação com o tempo (litúrgico ou vital), emoções e outras sensações. Pode-se propor um rápido cochicho (ler o texto em voz alta; “escutar” o texto).
- Alguém poderá aprofundar o texto (fundamentos bíblicos, teológicos e litúrgicos).
- Dependendo do grau de iniciação musical do grupo, pode-se iniciar tocando somente a melodia. Depois, a melodia e a harmonia (acordes). E, por fim, buscar a simbiose texto-melodia. Obs.: Pode-se começar direto pela simbiose.
- Fazer o resgate de como a simbiose se realizou. O que a melodia ajudou a ressaltar na letra? Qual a energia que pede o refrão, a estrofe? Como cantar este texto musical expressando o tempo, o mistério, as pessoas divinas e humanas, as lutas e circunstâncias da vida etc.
- Durante a parte cantada, ficar atento à intensidade da voz e à intencionalidade das palavras...
- Propor, criativamente, outros modos de entoar (suave, forte e outras adjetivações musicais), além de diversificar o uso dos instrumentos e vozes.
- Pensar na integração dos três pontos (gesto/corpo, sentido/mente e atitude/coração). O ensaio como caminho de inteireza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário